Evangélico relata livramento de morte no carnaval: “fui salvo por Deus”

Mário Pinto Correia, evangélico (37), utiliza o carnaval como uma forma de complementar a renda. Há três anos trabalha como iluminador de alegorias da Paraíso do Tuiuti, escola de samba do Rio de Janeiro. Mário já realizou trabalhos em mais de 40 carros, acompanhando os veículos ao longo do desfile para solucionar possíveis problemas que […]Mário Pinto Correia, evangélico (37), utiliza o carnaval como uma forma de complementar a renda. Há três anos trabalha como iluminador de alegorias da Paraíso do Tuiuti, escola de samba do Rio de Janeiro. Mário já realizou trabalhos em mais de 40 carros, acompanhando os veículos ao longo do desfile para solucionar possíveis problemas que […]
Clique aqui e vá para a fonte da notícia…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.