PREGAÇÕES COM A LETRA B

BATISMO NO ESPÍRITO SANTO

 

 

1-      QUANDO OCORREU PELA 1ª VEZ A MANIFESTAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO ?

Atos 2:1-4 – E, CUMPRINDO-SE o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; 2   E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. 3   E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. 4   E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.

 

2-      POR QUE ISSO OCORREU?

Atos 2:6-8  6 E, quando aquele som ocorreu, ajuntou-se uma multidão, e estava confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria língua. 7   E todos pasmavam e se maravilhavam, dizendo uns aos outros: Pois quê! não são galileus todos esses homens que estão falando? 8   Como, pois, os ouvimos, cada um, na nossa própria língua em que somos nascidos?

 

3-      O QUE IMAGINARAM ESTAR ACONTECENDO ?

Atos 2:12-13  12   E todos se maravilhavam e estavam suspensos, dizendo uns para os outros: Que quer isto dizer? 13   E outros, zombando, diziam: Estão cheios de mosto.

 

4-      O QUE É NECESSÁRIO PARA RECEBER ESTE DOM ?

Atos 2:38-39 38   E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; 39 Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe, a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar.

 

5-      QUEM NOS BATIZA NO ESPÍRITO SANTO?

Mateus 3:11 –  E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo.

 

6-      QUEM PODE SER BATIZADO ?

Atos 2:41   De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas,

 

7-      O QUE ACONTECIA APÓS O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO ?

Atos 2:43-47  43 E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos.

44   E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. 45   E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister. 46   E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, 47   Louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.

 

 

8-      QUE ESPÍRITO É ESSE QUE LEVA AS PESSOAS A FALAREM EM OUTRAS LÍNGUAS ?

I corintios 12: 4-6  4 Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. 5   E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. 6   E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos.

 


9-      PARA QUE RECEBEMOS ESTES DOM DE DEUS?

I corintios 12: 7   Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil.

I corintios 14: 22-24  22 De sorte que as línguas são um sinal, não para os fiéis, mas para os infiéis; e a profecia não é sinal para os infiéis, mas para os fiéis. 23   Se, pois, toda a igreja se congregar num lugar, e todos falarem em línguas, e entrarem indoutos ou infiéis, não dirão porventura que estais loucos? 24   Mas, se todos profetizarem, e algum indouto ou infiel entrar, de todos é convencido, de todos é julgado.

 

10-  QUAIS SÃO OS DONS DO ESPÍRITO SANTO ?

I corintios 12:8-11 8 Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; 9   E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar; 10   E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas. 11   Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

 

11-  POR QUE AS PESSOAS RECEBEM DONS DIFERENTES DENTRO DA IGREJA ?

I corintios 12: 13-20  13 Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito. 14   Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos. 15   Se o pé disser: Porque não sou mão, não sou do corpo; não será por isso do corpo? 16   E se a orelha disser: Porque não sou olho não sou do corpo; não será por isso do corpo? 17   Se todo o corpo fosse olho, onde estaria o ouvido? Se todo fosse ouvido, onde estaria o olfato? 18   Mas agora Deus colocou os membros no corpo, cada um deles como quis. 19   E, se todos fossem um só membro, onde estaria o corpo? 20   Assim, pois, há muitos membros, mas um corpo.

 

12-  QUAL DOM DEVO BUSCAR E COMO RECEBER ?

I corintios 12: 30-31  30 Têm todos o dom de curar? falam todos diversas línguas? interpretam todos? 31   Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho mais excelente.

 

13-  QUAL O DOM MAIS ÚTIL ?

I corintios 14:1-5  1 SEGUI o amor, e procurai com zelo os dons espirituais, mas principalmente o de profetizar. 2   Porque o que fala em língua desconhecida não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios. 3   Mas o que profetiza fala aos homens, para edificação, exortação e consolação. 4   O que fala em língua desconhecida edifica-se a si mesmo, mas o que profetiza edifica a igreja.5   E eu quero que todos vós faleis em línguas, mas muito mais que profetizeis; porque o que profetiza é maior do que o que fala em línguas, a não ser que também interprete para que a igreja receba edificação.

 

14-  POR QUE DEVO BUSCAR OS DONS ESPIRITUAIS ?

I corintios 14:12-13  12 Assim também vós, como desejais dons espirituais, procurai abundar neles, para edificação da igreja. 13   Por isso, o que fala em língua desconhecida, ore para que a possa interpretar.

 

15-  PODE ALGUÉM SER BATIZADO SEM QUERER SER ?

I corintios 14:32-33 32 E os espíritos dos profetas estão sujeitos aos profetas. 33   Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos.

 

16-  QUAL A MELHOR MANEIRA DE USAR OS DONS DE DEUS ?

I corintios 14:39-40  39   Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar, e não proibais falar línguas.

40   Mas faça-se tudo decentemente e com ordem.

 

2Pedro 1:21 –  Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.

Deuteronômio 18:20 –  Porém o profeta que tiver a presunção de falar alguma palavra em meu nome, que eu não lhe tenha mandado falar, ou o que falar em nome de outros deuses, esse profeta morrerá.

 

BÊNÇÃOS DISFARÇADAS SAIBA RECONHECÊ-LAS

(Gênesis 50:20) – Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida.
Wallace Johnson estava com 40 anos de idade em 1939. Achava que tinha estabilidade em seu emprego na serraria. Então um dia o seu patrão o chamou e disse-lhe que estava despedido. Isso não podia ter acontecido numa época pior. Os Estados Unidos estavam justamente saindo da grande depressão financeira da década de 30, e Johnson tinha esposa e filhos para manter. Como poderia a sua família sobreviver financeiramente agora?
Johnson saiu da serraria com a sensação de que seu pequeno mundo desabara. A caminho de casa, entretanto, orou por orientação divina. Quando entrou em sua casa e contou à esposa o que havia acontecido, o seu estado de ânimo já era melhor.

– O que é que você vai fazer agora? – quis saber a esposa.

– Vou hipotecar a casa e entrar no negócio de construções – anunciou ele.
Sua primeira tentativa foi a construção de duas pequenas estruturas. Dentro de cinco anos, a família Johnson estava Milionária. Wallace foi o fundador da rede de hotéis Holiday Inn e ficou conhecido como o “albergueiro da América”. Mais tarde ele declarou: “Se eu pudesse encontrar o homem que me despediu do emprego, eu teria de agradecer-lhe. Quando fiquei desempregado, não pude ver a mão de Deus naquela circunstância, mas posteriormente vim a entender que Ele o permitira para que eu pudesse contribuir financeiramente para a manutenção de Sua obra na Terra, enquanto ao mesmo tempo me dava condições de oferecer emprego a mais de 100.000 pessoas.”

 

(Jó 42:10) – E o SENHOR virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o SENHOR acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía.

(Jó 42:16) – E depois disto viveu Jó cento e quarenta anos; e viu a seus filhos, e aos filhos de seus filhos, até à quarta geração.

 

Em 1568, quando a rainha Maria da Escócia fugiu para a Inglaterra, levou consigo um colar de raras pérolas negras. Dezenove anos mais tarde, quando foi executada, o ornamento desapareceu. O governo britânico ordenou uma busca, mas o colar jamais foi encontrado. Depois de muito tempo e considerável esforço, teve de ser suspensa a busca, mas o caso não foi esquecido.
Mais de 350 anos depois, duas mulheres americanas, viajando pela Grã-Bretanha, entraram numa velha loja de presentes à procura de uma lembrancinha para levar para casa. O encarregado da loja mostrou-lhes um colar de contas pretas encardidas, que ele ofereceu por um xelim (vigésima parte da libra). As senhoras o adquiriram e o levaram a um joalheiro, para que limpasse as continhas.
Vários dias mais tarde, quando as mulheres passaram por lá para retirar o “souvenir”, um representante do governo britânico informou-lhes que as contas constituíam o colar da Rainha Maria, perdido fazia tanto tempo. Para reavê-lo, o governo pagou às senhoras a quantia de cinco mil libras esterlinas. (R$ 21.250,00).

 

(Marcos 12:10) – Ainda não lestes esta Escritura: A pedra, que os edificadores rejeitaram, Esta foi posta por cabeça de esquina; (lição Judaica).

 

Uma antiga tradição rabínica diz que, quando foi construído o templo de Salomão, as pedras maciças para as paredes e os alicerces foram cortadas da rocha viva e modeladas na própria pedreira, sendo depois transportadas para o monte onde se erguia o templo. De acordo com a história, uma pedra de tamanho incomum foi levada para o local, mas os construtores não encontraram o lugar certo para colocá-la, de modo que ficou de lado, sem uso. Enquanto continuavam o trabalho do alicerce, aquela pedra parecia estar sempre no caminho deles. Durante longo tempo permaneceu negligenciada e até rejeitada. Então, um dia, os construtores chegaram ao local onde devia ser colocada a pedra angular. Para poder suportar o tremendo peso do templo, a pedra precisava ter tamanho e resistência enormes.

Tentaram colocar várias pedras, mas nenhuma era apropriada. Por fim, a atenção deles foi chamada para a pedra rejeitada fazia tanto tempo. Exposta às intempéries durante aqueles anos todos, ela não revelava nenhum defeito ou rachadura e, quando colocada no devido ângulo, encaixou-se perfeitamente.

 

BÊNÇÃOS DISFARÇADAS SAIBA RECONHECÊ-LAS

(Gênesis 50:20) – Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida.


Wallace Johnson estava com 40 anos de idade em 1939. Achava que tinha estabilidade em seu emprego na serraria. Então um dia o seu patrão o chamou e disse-lhe que estava despedido. Isso não podia ter acontecido numa época pior. Os Estados Unidos estavam justamente saindo da grande depressão financeira da década de 30, e Johnson tinha esposa e filhos para manter. Como poderia a sua família sobreviver financeiramente agora?


Johnson saiu da serraria com a sensação de que seu pequeno mundo desabara. A caminho de casa, entretanto, orou por orientação divina. Quando entrou em sua casa e contou à esposa o que havia acontecido, o seu estado de ânimo já era melhor.

– O que é que você vai fazer agora? – quis saber a esposa.

– Vou hipotecar a casa e entrar no negócio de construções – anunciou ele.


Sua primeira tentativa foi a construção de duas pequenas estruturas. Dentro de cinco anos, a família Johnson estava Milionária. Wallace foi o fundador da rede de hotéis Holiday Inn e ficou conhecido como o “albergueiro da América”. Mais tarde ele declarou: “Se eu pudesse encontrar o homem que me despediu do emprego, eu teria de agradecer-lhe. Quando fiquei desempregado, não pude ver a mão de Deus naquela circunstância, mas posteriormente vim a entender que Ele o permitira para que eu pudesse contribuir financeiramente para a manutenção de Sua obra na Terra, enquanto ao mesmo tempo me dava condições de oferecer emprego a mais de 100.000 pessoas.”

 

(Jó 42:10) – E o SENHOR virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o SENHOR acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía.

(Jó 42:16) – E depois disto viveu Jó cento e quarenta anos; e viu a seus filhos, e aos filhos de seus filhos, até à quarta geração.

 

Em 1568, quando a rainha Maria da Escócia fugiu para a Inglaterra, levou consigo um colar de raras pérolas negras. Dezenove anos mais tarde, quando foi executada, o ornamento desapareceu. O governo britânico ordenou uma busca, mas o colar jamais foi encontrado. Depois de muito tempo e considerável esforço, teve de ser suspensa a busca, mas o caso não foi esquecido.


Mais de 350 anos depois, duas mulheres americanas, viajando pela Grã-Bretanha, entraram numa velha loja de presentes à procura de uma lembrancinha para levar para casa. O encarregado da loja mostrou-lhes um colar de contas pretas encardidas, que ele ofereceu por um xelim (vigésima parte da libra). As senhoras o adquiriram e o levaram a um joalheiro, para que limpasse as continhas.


Vários dias mais tarde, quando as mulheres passaram por lá para retirar o “souvenir”, um representante do governo britânico informou-lhes que as contas constituíam o colar da Rainha Maria, perdido fazia tanto tempo. Para reavê-lo, o governo pagou às senhoras a quantia de cinco mil libras esterlinas. (R$ 21.250,00).

 

(Marcos 12:10) – Ainda não lestes esta Escritura: A pedra, que os edificadores rejeitaram, Esta foi posta por cabeça de esquina; (lição Judaica).

Uma antiga tradição rabínica diz que, quando foi construído o templo de Salomão, as pedras maciças para as paredes e os alicerces foram cortadas da rocha viva e modeladas na própria pedreira, sendo depois transportadas para o monte onde se erguia o templo. De acordo com a história, uma pedra de tamanho incomum foi levada para o local, mas os construtores não encontraram o lugar certo para colocá-la, de modo que ficou de lado, sem uso. Enquanto continuavam o trabalho do alicerce, aquela pedra parecia estar sempre no caminho deles. Durante longo tempo permaneceu negligenciada e até rejeitada. Então, um dia, os construtores chegaram ao local onde devia ser colocada a pedra angular. Para poder suportar o tremendo peso do templo, a pedra precisava ter tamanho e resistência enormes.

Tentaram colocar várias pedras, mas nenhuma era apropriada. Por fim, a atenção deles foi chamada para a pedra rejeitada fazia tanto tempo. Exposta às intempéries durante aqueles anos todos, ela não revelava nenhum defeito ou rachadura e, quando colocada no devido ângulo, encaixou-se perfeitamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.