Resumo da vida de Abraão




Resumo da vida de Abraão

1) Abrão toma uma decisão

Abrão, casado com uma linda mulher resolve tomar uma decisão: deixar seu país, seus pais e tentar a vida em outro lugar. Ele ouviu uma voz – um chamado e aquilo ficou queimando em seu coração.

Era uma voz que dizia assim:

Saia da sua terra, do meio dos seus parentes e da casa de seu pai, e vá para uma terra que eu lhe mostrarei.

Farei de você um grande povo, e o abençoarei. Tornarei famoso o seu nome, e você será uma benção. Abençoarei os que o abençoarem e amaldiçoarei os que o amaldiçoarem e por meio de você todos os povos da terra serão abençoados.

Hum… uma boa proposta!!!

2) A primeira obra de Abrão

É… Abrão não pensou duas vezes. Aos seus 75 aninhos de vida, leva sua esposa – a linda Sarai, o sobrinho querido – Ló, seus empregados e parte para uma terra tão diferente da sua. Essa terra era Canaã. Já tinha gente morando lá, mas Abrão não se importou e a primeira obra de Abrão naquela terra foi a construção de um altar.

Isso significa que para ser um bom cidadão é preciso colocar Deus em primeiro lugar. É deixar Deus na frente de todo o empreendimento. Esse Abrão era bem inteligente.

3) Como Abraã resolveu as coisas pacificamente

Abrão não tinha um lugar fixo, explorou a terra. Ele foi enriquecendo tanto, que mal tinha lugar para ele e o sobrinho Ló apascentarem os seus rebanhos. Começaram as brigas entre os seus empregados. Mas… pacificamente houve uma divisão de terras. Abrão dividiu aquelas amplas terras em duas partes e deixou que o primo Ló escolhesse aonde ele queria ficar. A parte que sobrou ficou para Abrão.

Um bom cidadão é sensato e pacificador. Ele sabe que independente do lugar, ser bonito ou feio, Deus o abençoará.

4) Uma Guerra a vista

Então, teve uma guerra. Essa guerra foi bem pertinho do lugar onde Abrão vivia, lá no lugar onde o sobrinho Ló escolheu para habitar. Guerra sempre é ruim. Morrem pessoas, há escassez de alimentos, saques. E quando você sabe que um parente teu é refém de guerra? Pobre Abrão… teve essa triste notícia. Seu sobrinho Ló era refém de guerra. Será que Abrão se escondeu debaixo da cama? Ficou em cima do muro? Não!!!! um bom cidadão pensa e age. Ele convocou 318 homens da sua casa, fez plano, deu instruções – perseguiu os seus inimigos e resgatou os prisioneiros, inclusive os bens. Foi vitorioso. Os reis queriam dar para ele dinheiro, presentes, mas Abrão não quis nada disso. A sua riqueza procedia de Deus e não de homens.

Ao invés de receber presentes ele deu. Deu para um sacerdote de Melquisede 10% de tudo quanto tinha.

Abrão não recebe aquilo que não lhe pertence. Um bom cidadão ajuda. Doa um pouco de si para os outros.

5) Uma aliança que muda o nome

Abrão rico… rico… mas sem filhos. Ele queria um filho para ser o seu herdeiro, para ensinar-lhes as coisas que tinha aprendido no decorrer da vida. Ele queria ensinar a sua fé. Mas ele já estava tão velhinho. Tinha quase 100 anos e nada de filhos. Deus promete-lhe um filho e faz uma aliança com ele.

Deus muda-lhe o nome – de Abrão, passa a ser chamado Abraão.

Abrão = pai exaltado

Abraão = pai de muitas nações.

Sarai passa a chamar-se Sara = princesa

Um bom cidadão tem uma aliança com Deus.

É… Deus cumpre o que promete. Aos 100 anos nasce Isaque – o filho de Abraão com Sara e a família fica mais feliz.

6) Veja Algumas obras de Abraão

Abraão planta árvores – Gen. 21:33

Um bom cidadão fica preocupado com o bem estar da população. Plantar árvores e um bom sinal, pois o bom cidadão não desmata, mas planta.

Abraão cava poços – Gen. 21:30 –

Um bom cidadão preocupa-se com o bem estar da população. A água é algo muito importante, sem ela é impossível viver. Esse exemplo de cavar poços foi passado para seu filho Isaque que passou para seu filho Jacó. Um bom cidadão dá bons exemplos e bons ensinamentos para seus familiares. Você sabia que o poço de Jacó, que era neto de Abraão ainda era usado nos tempos de Jesus (João 4:6). E Jesus só veio ao mundo uns 2000 anos depois de Abraão.

Abraão constrói altares – Gen 12:7, 8 , 13:18 – 22:9 –

Um bom cidadão começa a sua trajetória construindo altares – ou seja, buscando a presença de Deus e termina a sua trajetória construindo altares – ou seja, permanece buscando a presença de Deus.

Que possamos aprender muita coisa com Abraão – o bom cidadão.

Compartilhe esta postagem em suas redes sociais



Posts Relacionados

prjulio

Pastor da Igreja de Deus no Bairro Santa Terezinha - Catalão/Go. Pastoreando a 16 anos, pai de 5 filhos, Servo do Deus altíssimo, utilizando a internet como meio de propagação da palavra de Deus a quem desejar. Com humildade e amor.

Este Post Foi 32 Comentários

  1. gostei muito dos ensinamentos que aprendi vou colocar em pratica pois trabalho com crianças muito carentes obrigando que DEUS posa continuar abençoando

  2. a paz do SENHOR, sou a lidiane da igreja batista da ciddae de manoelç ribas paraná, gostei muito das histórias estarei contando aos domingos pela manha com as crianças, estaremso recomençando esse trabalho que estava parado, muito bom,gostaria que estivessem orando pra que Deus nos ajude, que DEUS lhe abençõe muito…

  3. a paz do senhor sou luana da assembleia de
    DEUS do jardim america em campina grande
    paraíba!!
    gostei muito dos ensinamentos e con certeza vou por em prática pois ensino no maximo 80 crianças carentes e comcerteza elas vão amar!!!
    que o senhor JESUS vos abençõe mais e mais!!

  4. Oi a paz de Cristo,sou Adriana de curvelo MG,amei as historias,sou professora da escola biblica infantil e tenho 40 alunos q os pais não são crentes, amo meus alunos e apartir de amanhã ja vou contar as historias daqui pra eles.
    Q Deus abençoe .

  5. sou regente do grupo juvenil e não é porque é para crianças que os jovens não pode aprender com essa história e eu aprendi bastante com essa história tenho apenas12anos mas deus não escolhe por idade amei essa história

  6. Gente na minha opinião a historinha do SURDINHO é muito boa!e mesmo o menino nao ter nome eu entendi muito bem a história!!!

  7. Tirando a história do surdinho, todas as outras tem a fonte informada, se o blog do qual foi retirado as histórias não procurou o autor ou clonou um livro, não sabia, mais se você puder dar maiores detalhes da fonte, tanto posso citá-las como retirar totalmente a matéria se o autor não quiser que seja feita a sua publicação, particularmente acredito que se o autor quiser poderia citar o nome do livro editora, e as histórias seriam uma maneira de ajudar em sua divulgação de forma gratuita.

  8. eu gostei da historia do surdinho, porque é a pura verdade e criança precisa saber a verdade, elas estão entendendo muito bem as coisas e não podemos ficar passando a mão por cima

  9. zeneide andrade
    Amei a história do surdinho,ela pode ajudar muito para as crianças aprenderem a conviver com outras diferentes, e assim haver mais interação entre elas.Como faço para ter estas histórias?

  10. gostaria que me ajudasse a encontrar uma sobre kelvin o menino que sua mae chamava e ele nunca atendia na hora sempre dizia ja vou e um certo dia ele subiu em uma arvore para brincar e passou um sr.vendedo sorvete e ele ficou muito apvarodo chamou sua mae para ajudar ele a descer e ela fez omesmo que ele ja vou.

  11. gostei muito das suas histórias, mas gostaria que vc colocasse algo sobre a biblia, pois irei dar aula domingo dia 30 para as crianças e o assunto é “A BIBLIA É A PALAVRA DE DEUS”.Gostaria de algo bem interessante para ministrar essa aula. Espero sua resposta.Abraço

  12. Também faço parte do grupo de professoras de Escola Bíblica e tinha muita dificuldade de passar as lições para eles.São muito pequenos e as vezes se tornava chato tudo que eu falava.Mas creio que agora vou ter mais criatividade pra tentar passar a mensagem para eles sem deixa-los com sono.rsrs

  13. gostei muito das suas historias, cicnceramente são bastentes interessantes o que eunoteu em falta é a falta de figuras para dar ainda mais alegrias nas historia

  14. Gostei muito das histórias aqui contadas, trabalho com crianças no círculo de oração de crianças e tinha dificuldades de prender a atenção das mesmas, com estas historinhas, ficou muito mais fácil interagir com elas. amei.

  15. Deus e bom d + tbm sou filha de pastor,supervisor e bispo
    eu li a historia do surdinho e vou copia-la para pregar na igreja
    Deus te abençoe pastor Júlio Fonseca
    tenho 9 anos e moro em Contagem BH

  16. Só não gostei porque tem meias verdades, pois quem morre não vai direto pro céu e sim pra sepultura aguardar o retorno de jesus…. Pra que jesus virá se todos estarão no céu????!! Vamos ter cuidado em ensinar o que realmente a Bíblia ensina! LEIA ECLESIASTES 9:5,6,10.

    1. Olá, desculpe me entrometer, mas quem morre em Cristo vai pro céu sim, antes de Jesus não se ia pro Céu, quando Jesus morreu foi pro hades, mundo dos mortos, e qndo ressucitou levou pro céu os que creram na promessa que Ele viria antes de ve-lo, a diferença é que estes estão no céu em espírito! Assim como os que morrem em Cristo vão pro céu em espírito e quando Jesus vier buscar sua igreja ai vamos ter nosso corpo glorificado e subiremos ao encontro d’Ele!!! Eclesiastes esta no velho testamento, qndo se morria e ia pro hades que é a região dos mortos! Em 2Corintios 5:8 fala claramente ” Entretanto, estamos em plena confiança, preferindo deixar o corpo e habitar com o Senhor” Filipenses 1:23, tbm fala sobre estar com Cristo!Lembrando que vamos pra Cristo em espírito e só no arrebatamento nosso corpo será glorificado e ressucitaremos, que é o espirito voltar ao corpo.

      1. Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança.
        Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.

        1 Tessalonicenses 4:13,14

        Veja o capítulo inteiro e entenda melhor esta questão. Quem morre em Cristo dorme.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.