...

Deus condenar alguém eternamente?

Deus condenar alguém eternamente?

Nome ou Anônimo (se não quiser se identificar
Milton José Rodovalho Moreira de Lima
Email
De onde fala? Cidade e Estado.
Açailândia
Categoria da pergunta
  • – Option: Bíblia – Value: bíblia
Sua Pergunta
Se eu torturo um perverso por muito tempo. Eu também não sou perverso?! Se deus tortura no inferno o perverso por tempo infinito. Ele também não é infinitamente mais perverso que você?! Por que vocês chamam esse deus de um deus de infinito amor? Será que seu deus não pode dar outra chance pra os que estão lá no inferno pra um dia aceitarem Jesus e serem resgatados mesmo que isso leve um trilhão de anos? Ele não é infinito amor? Por que um ser de infinito amor só puniria por punir, sem ser na intenção de corrigir? Acha que Deus um ser perfeito não conseguiria fazer o inferno ser a prisão perfeita? Aquela que pune e ressocializa 100% de seus presos? Não é a bíblia que diz em Jó 42:1-2 que todo plano e desejo de Deus se realiza? Não é a bíblia que diz também em 1 Timóteo 2:3-4 que Deus deseja ver todos salvos? Aliás, a mais outras partes da bíblia que fala que Deus deseja ver todos salvos e ver todos máus se tornando do bem. Vai dizer que Deus não consegue salvar todos? Vai dizer que Deus fracassa nos seus planos? O senhor como vários pastores não pregam esse dógma do inferno simplesmente pra ganharem dinheiro? Eu só penso duas coisas sobre quem crê no inferno. Ou é perverso ou é ignorante. Se é perverso. Não é porque gostaria que deus fosse um carrasco a seu dispor pra torturar seus inimigos? Se é perverso. Não é porque no fundo sentirá prazer em ver seus inimigos sendo torturados no inferno? Não seria mais coerente ser aniquilacionista ou universalista ou assumir que a bíblia tem contradições como essa que eu esponho?

 

Resposta:

Graça e Paz,

Obrigado por sua pergunta.

I Corintios 13:9-11

9 – Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; 10 – Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado. 11 – Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

Ninguém conhece todos os designíos de Deus.

Há divergência entre os teólogos a cerca de salvação eterna e condenação eterna. Todos são livres para interpretar, porém a verdade está em Deus e nós só a conheceremos no todo quando com ele estivermos.

O fato de saber em parte é porque olha o tempo em que foi escrito o evangelho, agora imagine quanta coisa mudou, agora olhando para trás nos sentimos mais evoluídos, e as pessoas no futuro olharam para nós e dirão que são muito mais evoluídos, isso significa que Deus na sua existência infinita olha para o homem e os julga no momento incapazes de entender toda a verdade.

Dito isso, penso eu.

O julgamento de Cristo é uma grande separação de caráter, pois como seria se Deus desse a eternidade para alguém que tem uma má índole, seria eternamente mau?

Seria a condenação eterna o simples fato de ao ser avaliado o caráter de alguém ele se encontrar indigno do maior presente de todos a eternidade?

Deus aniquilaria os reprovados?

O simples fato de viver em separação do seu criador, não seria uma espécie de condenação eterna?

Ainda há muito para se entender, sendo assim um fato permanece.

Eclesiastes 12:13 – De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. 14 – Porque Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau.

A verdade não está oculta a ninguém, cada um toma o caminho que escolher, depois não há como questionar o seu próprio fim.

Apocalipse 22:11-12

11 – Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda. 12 – E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra.

Compartilhe esta publicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on print
prjulio

prjulio

2 comentários em “Deus condenar alguém eternamente?”

  1. Como a grande maioria dos pastores. Já era de se esperar que você daria essas desculpas. Mas no fundo sabe que o tormento eterno no inferno que prega é uma mentira muito boa pra arrancar dinheiro dos fiéis e gastar tudo luxo e luxúria, além de dominar as massas que não pensam…

    1. Eis o que diz a parábola da ovelha perdida em Mateus 18:10-14:

      Vede, não desprezeis algum destes pequeninos, porque eu vos digo que os seus anjos nos céus sempre vêem a face de meu Pai que está nos céus.

      Porque o Filho do homem veio salvar o que se tinha perdido.

      Que vos parece? Se algum homem tiver cem ovelhas, e uma delas se desgarrar, não irá pelos montes, deixando as noventa e nove, em busca da que se desgarrou?

      E, se porventura achá-la, em verdade vos digo que maior prazer tem por aquela do que pelas noventa e nove que se não desgarraram.

      Assim, também, não é vontade de vosso Pai, que está nos céus, que um destes pequeninos se perca.

      Essa parábola deixa muito claro que a intenção de Jesus sempre foi buscar a ovelha perdida, se referindo aos humanos que se desviaram de Deus, que se desviaram do amor. Aí que eu deixo a pergunta, existe ovelha mais perdida que a alma que está no inferno? O que impediria Jesus de ir ao inferno resgatar suas ovelhas perdidas? Aí nessa parábola é clara em dizer que Deus vai sempre em busca da ovelha perdida, não diz que essa ovelha perdida é o homem vivo na Terra ou vivo no inferno. Só diz que Deus simplesmente vai atrás da ovelha perdida pra resgatar quem está perdido. De novo fica a pergunta, você dúvida que Deus consiga resgatar os perdidos? Não é seu deus que é um ser totalmente onipotente? Tem inclusive uma parte na bíblia que fala de Jesus indo ao inferno salvar os espíritos em prisão que morreram no dilúvio. Vou citar ela aqui pra vocês em 1 Pedro 3:18-21.

      Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;

      No qual também foi, e pregou aos espíritos em prisão;

      Os quais noutro tempo foram rebeldes, quando a longanimidade de Deus esperava nos dias de Noé, enquanto se preparava a arca; na qual poucas (isto é, oito) almas se salvaram pela água;

      Que também, como uma verdadeira figura, agora vos salva, o batismo, não do despojamento da imundícia da carne, mas da indagação de uma boa consciência para com Deus, pela ressurreição de Jesus Cristo;

      Talvez você ainda fique pensando: “Não quero dividir com um pecador o céu.” Diz a própria bíblia que a casa de Deus tem várias moradas, os pecadores que foram salvos depois de saírem do inferno não precisam ficar na mesma morada que você está.

      Não está escrito na própria bíblia que Jesus ensina a amar nossos inimigos? Você não crê que Jesus ou Deus ama os inimigos que são todos os pecadores? Se Deus ama mesmo os seus inimigos igual Ele ensinou a nós a amarmos os nossos, Ele jamais puniria seus inimigos no inferno simplesmente pra os torturar, sem dar uma chance de redenção a eles! Se você é uma pessoa boa e pune seus filhos que estão fazendo o que é errado, você os pune pra que eles deixem de cometer os erros, pra que se concertem. Mas você é um ser humano, não é onipotente, nem sempre vai conseguir punir seu filho pra ele se corrigir. Mas olha Deus, um ser onipotente, ele consegue tudo que quer! Logo irá conseguir punir todos pecadores pra eles se corrigirem e se tornarem do bem, a bíblia já deixa bem claro que esse é desejo de Deus, deixa bem claro também que Deus consegue tudo que quer. Outra vez te pergunto, dúvida mesmo que Deus consiga corrigir todos pecadores e salva-los? Mesmo que Ele faça isso jogando os pecadores no inferno que seria a prisão perfeita? Aquela que pune e faz a ressocialização de 100% dos presidiários?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to Top