...

Os céus declaram a gloria de Deus!

Salmos 19:1-14

1 – OS céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. 2 – Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite. 3 – Não há linguagem nem fala onde não se ouça a sua voz. 4 – A sua linha se estende por toda a terra, e as suas palavras até ao fim do mundo. Neles pôs uma tenda para o sol, 5 – O qual é como um noivo que sai do seu tálamo, e se alegra como um herói, a correr o seu caminho. 6 – A sua saída é desde uma extremidade dos céus, e o seu curso até à outra extremidade, e nada se esconde ao seu calor. 7 – A lei do SENHOR é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do SENHOR é fiel, e dá sabedoria aos símplices. 8 – Os preceitos do SENHOR são retos e alegram o coração; o mandamento do SENHOR é puro, e ilumina os olhos. 9 – O temor do SENHOR é limpo, e permanece eternamente; os juízos do SENHOR são verdadeiros e justos juntamente. 10 – Mais desejáveis são do que o ouro, sim, do que muito ouro fino; e mais doces do que o mel e o licor dos favos. 11 – Também por eles é admoestado o teu servo; e em os guardar há grande recompensa. 12 – Quem pode entender os seus erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos. 13 – Também da soberba guarda o teu servo, para que se não assenhoreie de mim. Então serei sincero, e ficarei limpo de grande transgressão. 14 – Sejam agradáveis as palavras da minha boca e a meditação do meu coração perante a tua face, SENHOR, Rocha minha e Redentor meu!

Quando leio este salmo, o meu pensamento é transportado para as campinas de Belém, quando até então, o jovem Davi era pastor de ovelhas. Ali, nas madrugadas calmas e serenas daquelas campinas Davi quem sabe, deitado sobre a relva, vigiando o repousar do seu rebanho, ele ficava olhando para o Céu. Naquele tempo não tinha como hoje; celular, rádio, Walkman e nenhuma outra distração da nossa avançada tecnologia. No entanto; Davi tinha a força gritante, eloqüente, maravilhosa, resplendente que é a beleza de um Céu estrelado. E para essa esplendorosa criação do nosso Deus, é que ele olhava. Foi ali, provavelmente que Davi encontrou a inspiração para escrever este belíssimo Salmo 19

Ele começa assim: “OS CÉUS PROCLAMAM A GLORIA DE DEUS” ou seja; proclamar é falar alto, em tom vibrante, eloqüente para que o mundo ouça. Mais, acima de tudo VEJA a grandeza maravilhosa da criação das mãos do nosso Deus. No (Ver. 3) diz Davi: Quem sabe ele estava olhando para o firmamento, e tenha pensado: “NÃO HÁ LINGUAGEM, NEM PALAVRAS, E DELES NÃO SE PODE OUVIR NENHUM SOM, NO ENTANTO POR TODA A TERRA SE FAZ OUVIR A SUA VÓZ!!!.” Há!… que benção tão grande é para um crente que pode ter olhos iluminados como Davi tinha, de poder enxergar a beleza do nosso grande Deus, e assim, poder ouvir a sua voz através da grandeza das obras de suas mãos, como por exemplo: “Os mistérios insondáveis de um Céu estrelado”.

Perceberam a beleza poetizada que Davi fala do amor criativo de Deus? e que esta disponível, ao alcance dos nossos olhos poderem VER.!—– Ele diz aqui uma coisa interessante; que para ouvir Deus falar, não é preciso necessariamente ouvir sua voz. Mais, Ver o seu agir nas obras de suas mãos. Porque elas de forma altissonantes falam por si mesmas do amor tão grande e criativo de Deus nosso Pai. Isso quer dizer, que nós podemos ouvir Deus falar vendo o seu agir. Por exemplo:—–Quando você contempla a beleza emocionante das flores, as verdejantes campinas e florestas, os animais, o mar, a brisa refrescante dos ventos, a água fria que brota do ventre da terra pra nos dessedentar, a fertilidade da terra que nos dá o pão de cada dia, o imprescindível oxigênio exalado das matas etc, etc…….... acima de tudo; o divino poder misericordioso que graciosamente em Cristo Jesus transformou as nossas vidas um dia. (Mateus .5 .16) disse Jesus: “Assim brilhe a vossa luz diante dos homens, para que eles VEJAM,as vossas boas obras, e glorifiquem á vosso Pai que esta nos céus”.

Você entendeu meu irmão o que Jesus disse?. Que você é uma criatura especial, diferenciada que você tem luz e, que você precisa deixar resplender, irradiar a beleza da gloria de Deus que habita em ti. E a forma mais visível pratica de se deixar exteriorizar a gloria entronizada dentro de nós, não é só sendo um grande pregador que transmita a mais eloqüente mensagem evangelística, através dos grandes sermões feitos nos púlpitos de grandes igrejas. Mas, também é no silencioso viver, no agir, no relacionar de cada dia de um servo de Deus, com este conturbado mundo. Como alguém que é notado visivelmente diferente, que resplende, exterioriza, a gloria maravilhosa da santidade de Deus na sua vida.

A começar dentro da sua casa, e na presença dos seus queridos. A mais preciosa platéia, o ajuntamento de pessoas mais importante que você pode ter na tua vida, para falar do amor de Deus, é justamente a tua família, teus filhos, teus amigos mais próximos. E que cada lar seja um púlpito santo, onde nós possamos ser o mais ardoroso e fecundo pregador, ainda que não tenhamos o poder da palavra, mais simplesmente possamos viver resplender, exteriorizar em nossa vida, e em nosso lar, no agir frente ao mundo, a graça maravilhosa que transformou nossa vida um dia. E para isso então:

FALE EM PROSA, CANTE EM VERSOS, VIVA NO TESTEMUNHO DO SEU AGIR O MILAGRE GLORIOSO DE TER SIDO TRANSFORMADO UM DIA, EM UMA NOVA CRIATURA. PELA GRAÇA DE CRISTO JESUS.

Hoje, nós somos luz do mundo, sal da terra, templo, habitação morada do Deus eterno, porque fomos comprados por preço altíssimo e, agora precisamos ser fiel ao nosso Senhor, este Senhor que não nos obriga, não força nós a fazer a sua vontade, mais simplesmente pede com amor, que andemos em novidade de vida, não simplesmente como um escravo, mais sim, como um filho amado. (Salmo 119. 18) diz: “Desvenda os meus olhos, para que eu contemple as maravilhas das tuas leis”.

Que possamos pedir ao Senhor que nossos olhos sejam desvendados, abertos para que vejamos a beleza do nosso grande Deus, através das obras das suas mãos, e assim, possamos encontrar descanso, proteção regozijo como Davi, que contemplando a beleza de um céu estrelado, obras grandiosas do Deus criador, podia ver nelas o próprio Deus. Mas, não só ver, como também ouvir esta mensagem real, gloriosa, altissonante proclamada onde Deus continua ininterruptamente todos os dias a todo instante a nos dizer; “EU SOU O TEU DEUS”!!!! . (Heb. 13.5) “De maneira nenhuma, te deixarei nunca jamais te abandonarei”. Meu irmão! Se conscientize da gloria tremenda que é a tua vida. Tire os olhos das restrições circunstanciais sofríveis que limitam o teu viver e, estenda o teu olhar para a infinitude visível da gloria de Deus, e se encontrar em teu coração gratidão, glorifique-O agora! . ALELUIA!

Fomos criados para glorificar a Deus Glorificar a Deus é o propósito de nossas vidas, para Sua Glória fomos criados. E a Bíblia está repleta de indicações (Is 43.7) “… eu os criei para minha glória…”;

(1 Co 10:31) “quer comais, quer bebais ou façais qualquer outra coisa, fazei tudo para a glória de Deus”.

Deus é independente para fazer o que quiser, Ele é Soberano, mesmo que Ele não nos tivesse criado Ele continuaria sendo Deus, o rei do universo.

Mas as escrituras afirmam que fomos criados para glorificá-Lo. Este é o verdadeiro propósito de nossa existência, então somos muito importantes dentro desse propósito.

Davi entendeu bem isso, quando lemos o livro de Salmos, vemos que em todas as situações Davi nunca deixou de louvar a Deus. E enquanto louvamos estamos glorificando e magnificando o Seu nome.

“Eu te louvarei, SENHOR, de todo o meu coração…”(Sl9:1)

“Sete vezes no dia eu te louvo”(119:164)

“Louva, ó minha alma”(146:1)

“Louvarei ao SENHOR durante a minha vida; cantarei louvores ao meu Deus enquanto eu viver”(146:2) E nada pode nos dar mais alegria do que viver de acordo com o propósito para o qual fomos criados. Quando glorificamos a Deus nos enchemos de alegria e paz.

Glorificar a Deus, significa, honrá-Lo através do que falamos, agimos, e pensamos; glorificar a Deus é reconhecer a Sua importância e valorizá-Lo acima de todas as coisas, fazendo-O também conhecido à outras pessoas, para que de igual modo, aprenda a glorificá-Lo. Glorificar a Deus é também ter um coração grato.

Podemos glorificá-Lo também através da nossa fé, com a total confiança de que Ele estará conosco sempre e nunca nos abandonará, apesar de qualquer circunstância. Podemos glorificá-Lo através de nosso amor, através da busca em conhecê-Lo mais, e do desejo de obedecê-Lo.

Glorifique a Deus, não somente nos momentos de alegria. mas também nos momentos de provação, fazendo isto, estamos declarando que Deus é merecedor de toda a glória independente de qualquer coisa, mas, pelo que Ele é.

(Sl 40.1; 2 Cr 16.9; Sl33. 13-15, 18-19; Cl 1.16-17

Salmos 40:1 – ESPEREI com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor.

II Crônicas 16:9 – Porque, quanto ao SENHOR, seus olhos passam por toda a terra, para mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é perfeito para com ele; nisto, pois, procedeste loucamente porque desde agora haverá guerras contra ti.

Salmos 33:13-15 13 – O SENHOR olha desde os céus e está vendo a todos os filhos dos homens.14 – Do lugar da sua habitação contempla todos os moradores da terra.15 – Ele é que forma o coração de todos eles, que contempla todas as suas obras.

Salmos 33:18-19 18 – Eis que os olhos do SENHOR estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia;19 – Para lhes livrar as almas da morte, e para os conservar vivos na fome.

Colossenses 1:16-17 16 – Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.17 – E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele.

Você gostou desta mensagem?

0 / 0



Visitado 23 vezes



Deixe um comentário 0

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *