...

Todos podem curar um enfermo

 

Todos podem curar um enfermo.

Marcos 16: 17     E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas; 18     Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.

Como acontece o processo de cura?

A mais comum é quando uma pessoa intercede pela outra. Aquele que intercede é o vaso, esse vaso ora a Deus deus enche o vaso o vaso transborda e o poder de Deus transborda para o enfermo. (Tiago 5:16) –  Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.

A cura é manifestação de Deus e não dos homens.

Por isso ele escolhe o hora e o local em que se manifestará. (I Corintios 8:6) –  Todavia para nós há um só Deus, o Pai, de quem é tudo e para quem nós vivemos; e um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual são todas as coisas, e nós por ele.

A oração de cura deve ser dirigida a Jesus pois ele intercede por nós.

(I Timóteo 2:5) –  Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.

Todos podem receber de Deus o Dom de Cura.

O dom é um poder dado para quem o busca com intensidade, desta maneira quem o tem pode manifestar o poder de Deus de forma mais intensa e cotidiana.

Dom de Cura e dom de Maravilhas.

A cura imediata é um milagre. Esse é um dom específico chamado dom de maravilha. A cura também é manifestada aos poucos de forma intercessiva e constante.

1 coríntius 12: 4 – Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. 5     E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. 6     E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. 7     Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil. 8     Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; 9     E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar; 10     E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas. 11     Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

A dois tipos de Cura a Física e a Espiritual.

A Cura Física, é a cura de uma doença manifestada no corpo e a cura espiritual, normalmente identificamos pelas atitudes. Ex: depressão, fadiga, nervosismo, atitude de auto destruição, etc… Mais Deus nos livra de ambas.

Outras considerações a respeito da Cura.

Um problema espiritual pode atingir o corpo de forma indireta pois satanás atual em nossas emoções, e por isso existem as doenças psicossomáticas. Ex. Marcos 5: 1     E CHEGARAM ao outro lado do mar, à província dos gadarenos. 2     E, saindo ele do barco, lhe saiu logo ao seu encontro, dos sepulcros, um homem com espírito imundo; 3     O qual tinha a sua morada nos sepulcros, e nem ainda com cadeias o podia alguém prender; 4     Porque, tendo sido muitas vezes preso com grilhões e cadeias, as cadeias foram por ele feitas em pedaços, e os grilhões em migalhas, e ninguém o podia amansar. 5     E andava sempre, de dia e de noite, clamando pelos montes, e pelos sepulcros, e ferindo-se com pedras.

  •  Devemos interceder uns pelos outros por todo tipo de cura. (Tiago 5:16) –  Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.
  • A cura da personalidade humana. Jesus leva as nossas dores embora, quando cura nosso coração através de seus ensinamentos. Cura nossas enfermidades quando pela fé invocamos o seu poder e recebemos sua cura. Mateus 8: 16     E, chegada a tarde, trouxeram-lhe muitos endemoninhados, e ele com a sua palavra expulsou deles os espíritos, e curou todos os que estavam enfermos; 17     Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías, que diz: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e levou as nossas doenças.

Você gostou desta mensagem?

0 / 0



Visitado 18 vezes



Deixe um comentário 0

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *