Letras RST

Seis características de um vencedor 

Seis características de um vencedor 

Filipenses 3:13 – Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, 14 – Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

  • O passado já se foi, não volta mais. (tornou-se lembrança) O futuro não existe, ele ainda vai existir de acordo com as nossas ações hoje. Sendo assim só temos o tempo presente, porém minhas ações devem me conduz para um lugar. E esse lugar deve ser ao lado de Cristo. Tudo que faço hoje deve resultar numa vida ao lado de Cristo.

1 – Insatisfação

13 – Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado…

  • Paulo nunca se tinha por satisfeito em sua vida cristã. Sempre queria mais de Deus.
  • Paulo tinha a plena consciência de sua condição um ser imperfeito buscando imitar um Deus perfeito e isso fazia com que melhorasse a cada dia, mas.

 

2 – Referência

14 – …soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

  • Paulo não se compara com seus irmãos, mas se compara com Cristo.
  • Quem é bom de bola, se jogar com quem é ruim, vai piorar seu futebol, se ele é ruim de bola mais joga só com quem é bom de bola ele melhora seu futebol. Jogue no time de Cristo e não no time do mundo.
  • O corredor não deve comparar suas marcas com uma pessoa comum, mais com o melhor corredor que existir, assim ele saberá o quanto falta a ele para se tornar um campeão.

 

3 – Dedicação

13 – …mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,

  • Dedicamo-nos aos afazeres terrenos, mais não nos dedicamos aos afazeres espirituais.
  • Todo sucesso se deve à especialização. Todo atleta bem-sucedido é aquele que se especializa em uma determinada modalidade. Procure a sua modalidade, procure o seu dom (oração, cura, intercessão, palavra, louvor, etc)

 

4) Determinação

14 – Prossigo para o alvo… 

  • Um corredor(atleta) não fica bom do dia para a noite, a cada treino a cada esforço é uma luta contra o tempo e contra os limites do próprio corpo. Supere seus limites espirituais.
  • Temos que ser dedicados, determinados a nos tornarmos melhores a cada dia, aquele que pensa ter atingido o seu Máximo, não se esforça mais. Na vida a corrida só acaba quando partimos para a glória.

5) Direção

14 – Prossigo para o alvo… 13 – … esquecendo-me das coisas que atrás ficam…

  • Ninguém corre olhando para trás, mas para frente. (tire o olho do retrovisor).
  • Não podermos ser controlados pelo passado, mas vivamos o presente.
  • Devemos quebrar o poder do passado sobre o nosso futuro. Nem os fracassos, nem os sucessos do passado devem nos aprisionar. Nossa vida deve ser vivida no presente, com os olhos no futuro.

6) Disciplina – O corredor

14 – Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

  • Não basta ter disposição para correr. É necessário obedecer às regras.
  • Qualquer atleta que descumpre às regras é eliminado da competição.
  • A Bíblia é cheia de histórias de gente que começou a corrida com grande sucesso, mas fracassou no final por não atentar para as regras de Deus. Como: Ló, Saul, Ananias e Safira. Isto também pode acontecer conosco.
  • Noé foi disciplinado, esqueceu do mundo ao seu redor para se dedicar a Deus. O atleta se abdica da vida social para se dedicar aos treinos, mais ele reconhece que o premio vale a pena os esforços.

12-16  12 – Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. 13 – Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, 14 – Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. 15 – Por isso todos quantos já somos perfeitos, sintamos isto mesmo; e, se sentis alguma coisa de outra maneira, também Deus vo-lo revelará. 16 – Mas, naquilo a que já chegamos, andemos segundo a mesma regra, e sintamos o mesmo.

Filipenses 3:12-16Nova Versão Internacional (NVI-PT)

Prosseguindo para o Alvo

12 Não que eu já tenha obtido tudo isso ou tenha sido aperfeiçoado, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus. 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus.

15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e, se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá. 16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos.

1 – Insatisfação

  • Paulo nunca se tinha por satisfeito em sua vida cristã. Sempre queria mais de Deus.
  • Paulo tinha a plena consciência de sua condição e buscava melhora-la a cada dia.
  • Vs12Não que eu já tenha obtido tudo isso ou tenha sido aperfeiçoado, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus.

2 – Referência

  • Paulo não se compara com seus irmãos, mas se compara com Cristo.
  • O corredor não deve comparar suas marcas com uma pessoa comum, mais com o melhor corredor que existir, ai ele saberá o quanto falta a ele para se tornar um campeão.
  • VS 12 alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus.

3 – Dedicação

  • Dedicamos-nos aos afazeres terrenos, mais não nos dedicamos aos afazeres espirituais.
  • Todo sucesso se deve à especialização. Todo atleta bem-sucedido é aquele que se especializa em uma determinada modalidade. Procure a sua modalidade, procure o seu dom (oração, cura, intercessão, palavra, louvor, etc)

4) Determinação

  • Um corredor(atleta) não fica bom do dia para a noite, a cada treino a cada esforço é uma luta contra o tempo e contra os limites do próprio corpo.
  • Temos que ser dedicados, determinados a nos tornarmos melhores a cada dia, aquele que pensa ter atingido o seu Máximo, não se esforça mais. Na vida a corrida só acaba quando partimos para a glória.

5) Direção

  • Ninguém corre olhando para trás, mas para frente.
  • Não podermos ser controlados pelo passado, mas pelo futuro.
  • Esquecer, neste versículo, significa “não ser mais influenciado ou afetado por algo”.
  • Devemos quebrar o poder do passado sobre o nosso futuro. Nem os fracassos, nem os sucessos do passado devem nos aprisionar. Nossa vida deve ser vivida no presente, com os olhos no futuro.
  • Vs13: 13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, 

6) Disciplina

  • Não basta ter disposição para correr. É necessário obedecer às regras.
  • Qualquer atleta que descumpre às regras é eliminado da competição.
  • Aquele que não corre segundo às normas, não é coroado.
  • A Bíblia é cheia de histórias de gente que começou a corrida com grande sucesso, mas fracassou no final por não atentar para as regras de Deus.
  • Vemos Ló, Saul, Ananias e Safira. Isto também pode acontecer conosco.
  • Temos que vencer a corrida da vida seguindo o padrão de Deus para uma vida cristã sadia.

Ló: Através da vida de Ló nós podemos ver o quanto um filho de Deus pode perder por tomar decisões erradas e por se embaraçar com este mundo. Ele se casou com uma mulher carnal, e vivia em uma cidade ímpia por razões meramente carnais. Ele acabou perdendo sua família, seu testemunho e sem dúvida nenhuma qualquer galardão no céu. Enquanto o exemplo de Ló permanece como um aviso, não podemos esquecer de que ele era um homem justo. Isto faz ele ser um alerta eficaz ainda mais para os santos.

  • Infelizmente, esse rei caiu no erro que destrói muitos homens poderosos. Ao invés de manter sua humildade diante de Deus como servo do povo, ele começou a se preocupar com sua própria posição e honra. Como os políticos de hoje que vivem ansiosos com as pesquisas de apoio popular, Saul dava ouvidos às opiniões do povo. Quando deveria ter olhado sempre para a vontade de Deus como o único padrão do seu procedimento, Saul baixou seus olhos para agradar aos homens e, ainda pior, para proteger sua própria imagem pública.
  • Com essa mudança de foco, Saul se tornou um péssimo rei. As Escrituras frisam cinco exemplos das suas falhas:

Naquele tempo, os cristãos viviam em comunhão e repartiam tudo que tinham. Porém, com este exemplo podemos constatar que o caráter imperfeito das pessoas (egoísmo e ganância), de fato, interfere no ambiente que busca santidade, e incomoda a presença e conduta do Espírito Santo.

Ananias, junto com Safira, sua mulher, vendeu uma propriedade e reteve parte do preço.

O pecado de Ananias e Safira foi mentir para o Espírito Santo





prjulio
Pastor da Igreja de Deus no Brasil há 19 anos, hoje atuando em Catalão no bairro Santa Terezinha, pai de 5 filhos casado com Marta Valéria.
https://igrejadeus.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *