Encontro com Deus momentos inesquecível

Encontro com Deus momentos inesquecível
E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Mestre, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego? Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3
 
Neste capítulo 9 de João, está a história de um rapaz que nasceu cego, que com uma certa idade foi abandonado por seus pais, virando um mendigo (v. 8). Este homem certa vez foi visto por Jesus, que logo se compadeceu dele e resolveu curá-lo. Jesus cuspiu no chão, fez um lodo com a terra, ungiu os olhos do cego, e disse a ele que fosse se lavar no tanque de Siloé, e obedecendo o cego foi e voltou curado.

Os discípulos de Jesus, ao verem o homem que era cego desde que havia nascido, pensaram que a cegueira do rapaz fosse culpa de algum pecado de seus pais, e então perguntaram a Jesus, mas o Senhor revelou a eles que não era por causa de algum pecado que este homem havia nascido cego, mas por causa que era necessário que as obras de Deus fossem manifestadas na vida deste homem. 
 
Se continuarmos lendo a história dele, vemos que este milagre intrigou até mesmo os fariseus, fazendo com que parte deles acreditasse que Jesus era realmente um homem santo (v. 16). Quando Jesus curou ele, mandou que ele fosse até o tanque, e logo se retirou, o que o rapaz sabia era apenas que o homem que havia o curado chamava-se Jesus (v. 11), porque o Mestre nem mesmo pregou para ele, somente operou a cura na vida dele, porém não foram somente os olhos dele que se abriram, mas também os seus olhos espirituais.
 
Quando os fariseus foram até o rapaz que antes era cego, perguntaram a ele como isto havia acontecido, então ele contou que tinha sido o senhor Jesus, e por este dia ser um sábado, os fariseus ficaram indignados, e estavam loucos para aprontar uma cilada para Jesus, e então começaram a falar que aquele que havia sido curado não era um cego de nascença, até que chamaram os pais dele, que assim confirmaram que ele era seu  filho, e que realmente havia nascido cego. Os pais do rapaz estavam com medo de falar com os fariseus porque sabiam que todo aquele que confessasse que Jesus era o filho de Deus, era expulso da sinagoga, então falaram que o rapaz já tinha idade suficiente para responde-los.
 
Os fariseus continuaram a questionar o ex-cego, perguntando denovo como ele havia sido curado, e isso causou uma revolta no homem, que percebeu que eles estavam afim de desmoralizar aquele que havia o curado, Jesus. Essa revolta, ou melhor dizendo, indignação, fez com que o rapaz não tivesse medo de responder aos fariseus. Aquele homem era um mendigo, mas tinha entendimento sobre como Deus agia, e então respondendo aos fariseus disse-lhes: 
 
  Ora, nós sabemos que Deus não ouve a pecadores; mas, se alguém é temente a Deus, e faz a sua vontade, a esse ouve.Desde o princípio do mundo nunca se ouviu que alguém abrisse os olhos a um cego de nascença. Se este não fosse de Deus, nada poderia fazer.
João 31-33
 
Então os santões, digo, fariseus, indignados por estarem sendo repreendidos por um homem que eles julgavam pecador, expulsaram-o (v. 34). Jesus soube do que havia acontecido, e foi falar com o rapaz, então se apresentou a ele dizendo quem era (v.35 ao 37), e o homem que antes era cego, adorou ao Senhor. 
 
O que Deus tocou no meu coração sobre essa passagem, foi que o preço do nosso encontro com Jesus não tem nem comparação ao preço da nossa alma. Às vezes necessitamos passar por situações ruins, onde vemos que as coisas não tem mais jeito, onde parece que tudo terminou, que nossa situação não mudará, e que o que nos resta é a desgraça. Porém estas coisas são necessárias algumas vezes para que nós venhamos a ter um encontro com o Senhor Jesus. Este homem só se encontrou com Jesus porque era cego, porque talvez se ele fosse uma pessoa normal, não iria ter um encontro com Deus, não iria crer que Jesus Cristo era realmente um homem santo, mas ia viver sua vida, e morreria sem ter salvação. 
 
O preço que ele pagou foi alto, mas Deus só permitiu ele pagar este preço porque sabia que o seu filho Jesus iria passar pelo seu caminho e mudar a sua vida, fazendo dele um discípulo salvo em Cristo. Creia que quando a tempestade vem até a sua vida, é um propósito de Deus para que você fique dependente dele, para que você se renda aos seus pés, e o adore, porque quando está tudo bem nas nossas vidas, é difícil nós nos preocuparmos em adorar a Deus acima de tudo. Mas quando as coisas estão difíceis nós somos os primeiros a chegar no culto. Não aceite a adversidade na sua vida, mas entregue ela a Deus, e logo tudo se resolverá, mas aprenda também a adorar ao Senhor nos momentos que você está bem. Só assim você terá uma vida abençoada em todo o tempo!
   Encontro com Deus momentos inesquecível

, Encontro com Deus, http://www.acaocomreacao.com/2012/12/encontro-com-deus.html,

Compartilhe esta postagem em suas redes sociais

prjulio

Pastor da Igreja de Deus no Bairro Santa Terezinha - Catalão/Go. Pastoreando a 16 anos, pai de 5 filhos, Servo do Deus altíssimo, utilizando a internet como meio de propagação da palavra de Deus a quem desejar. Com humildade e amor.

Postagens Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *